sábado, 26 de janeiro de 2008

And everything inside screams for second life


Engraçado como as músicas mexem com a gente, né?
De vez em sempre me pego cantando alto no meio de uma música qualquer, balançando de um lado para o outro e brincando de caras e bocas.
Engraçado como às vezes a gente sabe cada gritinho que o Fulano dá no meio da música ou aquele comentário baixinho das gravações acústicas.
Engraçado é brincar de videoclipe, sentir como a música se encaixa perfeitamente no momento, às vezes nem encaixa, mas não faz o jogo perder a graça.
Engraçada é a jogadinha de cabelo ou o gesto que a gente sempre faz em determinadas partes, sabeDeusporque.
Engraçado é tentar fazer a primeira e a segunda voz ao mesmo tempo.
Engraçado é escrever exatamente o que estou fazendo.
Engraçado é acompanhar a batida na sua bateria imaginária.
Mas engraçado mesmo é o gostinho de 'quero mais' e a sensação de estrela do Rock no fim.

4 comentários:

I disse...

Esgraçado MESMO é como vira e mexe você faz textos com coisas que eu estou fazendo no momento ou com oque eu estou sentindo.
Sái de dentro da minha cabeça,por favor?

E música,brother?Música é lindo.

Bee. disse...

Engraçado que eu tava escrevendo sobre isso agora. u_u
Quer dizer, nada de engraçado nisso.

Tá, tá... eu sei que somos ligadas pela sorte do orkut, mas assim não dá, cara.


E aí, gritou para a noite?

D. disse...

Engraçado é(ou melhor era) a gente cantando misery of bussiness no meio da sala.vamos repetir a dose esse ano? ;)
:*

Bee. disse...

Ah, que gracinha, ela piscou de volta! o/