domingo, 5 de agosto de 2012

Certas incertezas


Amor é um conjunto de sensações antônimas borbulhando na barriga, queimando as bochechas, liquefazendo as mãos, sacudindo as pernas, tamborilando no peito, latejando na cabeça e entalando a garganta. Que ferve no sistema sanguíneo enquanto tenta escapar por cada poro.
Tumblr_l7bjxjiluf1qaccl7o1_400_large
Por que essa sensação de que nunca se está perto o suficiente? O que é essa eterna preocupação com o outro? Como lidar com surtos repentinos de felicidade tanta que chega a encher os olhos d’água? Qual a razão desse frio na barriga? Tudo isso tem mesmo que ser tão incontrolável? E como o sorriso de uma única pessoa pode provocar essa mistura de sensações, todas de uma vez?

Um comentário:

Nina disse...

ah... o amor, insano como deve ser. nunca esqueço daqui... estou sempre entre pousos. beijos com muito amor
e gratidão da sua teacher.