terça-feira, 2 de setembro de 2008

Postando na velocidade da luz

Aquelas horas extras e não-planejadas eram tudo o que ela realmente precisava.
Voltou para casa sorrindo mais a cada música que tocava em seu aparelho eletrônico de reprodução musical, ela só queria que aquele caminho de volta durasse mais algumas horas. Chegar em casa é como voltar à realidade, cair de cara na verdade nua e crua e ela não era muito fã de caras em coisas nuas, muito menos cruas.
Caminho de fichas caidas, verdades esquecidas, segredos secretos, planos arquitetados, sorrisos roubados, músicas cantadas/criadas, saudades matadas, lugares conhecidos e sinceridade à flor da pele.


Me rendi e baixei Like A Star.

6 comentários:

Seph disse...

eh de quem essa musica?

Seph disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
I! disse...

Demorou.Achei que você já tivesse há algum tempo.
Vou gravar pra você,com a minha voz (NOT).
:)

Miojo Com Farinha­ disse...

Tô copiando isso aqui tanto no comentário aqui quanto no outro blog : esse elogio significa muitão vindo de vocês, que têm alguma coisa nos textos que eu sempre vou tentar entender. Se eu escrevo menos pior hoje (ainda tem muito pra melhorar), é só porque eu comecei a ler os blags de vocês. Vocês são "as" caras :)

Miojo Com Farinha­ disse...

Esta postagem foi removida pelo removedor de postagens.

Seph disse...

ninguem se tocou qnd leu meu ultimo post neh? xD