sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Me abraça forte para eu me sentir viva até o último minuto.
E eles sempre me disseram que era um erro. Sempre disseram que era besteira e idiotice me apaixonar por alguém que tinha os dias contados. Mas eu não achei ruim de jeito nenhum ter me apaixonado por você, ter passado por tudo o que a gente passou, ter vivido cara momento e ter dividido cada resquício de felicidade contigo. Não me arrependo. Sofri e ainda sofro com a sua falta, mas o que eu posso fazer? Se você não tivesse me feito prometer não acelerar as coisas pode ter certeza de que eu estaria aí com você, onde quer que você esteja, mas eu posso esperar. O que são mais alguns anos, eu nem devo durar muito. Ponho a culpa na medicina mesmo sabendo que sem ela você não teria me acompanhado por tanto tempo.

Pelos meus ovários!! Pra onde foi minha criatividade?!

8 comentários:

I! disse...

Realmente,gata..Cadê o Peter?

Seph disse...

sua criatividade tem nome?

Bee. disse...

Peter, Marcus.
Marcus, Peter.

É o Peter que é verde?

J. disse...

Pelos seus ovários! Onde está a Dori? D:

J. disse...

Aliás, teu blog tá verticalizado radical.. era pra tá assim mesmo? 8D

D. disse...

Pelos ovários da nana O: hahaha

Bee. disse...

Ah, sim...

Bee. disse...

O post, na verdade, não tem nada a ver com isso...